A partir de 2018 o Colégio Saint Clair coloca em sua grade horária para os alunos do Fundamental II ( 6º ao 9º ano) a aula que utiliza a metodologia STEAM (Science, technology, engineering, arts e math).

O conceito STEAM surgiu em 1890 na Universidade de Chicago, quando John Dewey defendeu que a escola é um local onde os estudantes podem se envolver em soluções de problemas reais de forma multidisciplinar.

Os alunos utilizam nas aulas conceitos de física, química, biologia, matemática e suas aplicações tecnológicas permeadas pela liberdade artística. Desenvolvem também, competências como autonomia, curiosidade, sociabilidade, perseverança, para alcançar sucesso na vida pessoal futura.

O papel do professor é dar suporte ao aluno sem direcioná-lo para qualquer resultado, passando a ser um observador, permitindo que os estudantes façam suas descobertas.

Os alunos aprendem a planejar, exercitam a tentativa e erro, a colaboração e a perseverança, lições muito úteis, independentemente da carreira que venham a seguir. Na metodologia STEAM, o erro não é ignorado, mas o estudante é estimulado a reconhecê-lo e utilizá-lo como aprendizado. O método tem como objetivo fazer com que os estudantes  se questionem, observem, investiguem e reflitam sobre suas ideias.

A estratégia se baseia em gerar uma problemática para que o aluno desenvolva uma teoria e em seguida a coloque em prática achando uma solução para o mesmo.